Criminosos pediram para vítima deixar R$ 4 mil na frente de casa. Valor foi recuperado no lixo depois que a suspeita foi identificada em um bar na região.

Uma mulher de 35 anos foi presa em flagrante, na madrugada deste sábado (3), no Tatuapé, Zona Leste de São Paulo, suspeita de participar de um golpe de falso sequestro contra um idoso de 82 anos.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima recebeu uma ligação a qual dizia que a filha estava sendo sequestrada. Os criminosos pediram R$ 4 mil e que o dinheiro fosse deixado na porta de casa.

Desesperado, o idoso também ligou para o outro filho para falar sobre o caso. Enquanto conversavam, o homem seguiu para a casa do pai.

Quando chegou perto da residência, o filho viu o idoso com uma sacola em mãos e uma mulher parada na esquina. Com as mãos, a vítima sinalizou que o filho saísse de lá.

Em seguida, ele fez o retorno e voltou ao endereço. O pai já não estava na frente e a suspeita caminhava a poucos metros com a sacola em mãos.

Testemunhas viram para onde ela foi e avisaram à PM, que a prendeu em um bar na região e recuperou o dinheiro escondido no lixo, segundo a polícia.

Silvia Cíntia de Azevedo foi presa em flagrante e levada para a audiência de custódia. A juíza Ana Rita Andres Amaro considerou que o flagrante foi feito corretamente. No entanto, ela não ficou presa por não ter antecedentes criminais, ter endereço fixo e o crime não foi cometido mediante violência ou grave ameaça. A defesa dela não foi localizada até a última atualização.

Silvia responderá em liberdade e deverá se apresentar todo mês à Justiça para informar as atividades entre outras medidas.

Segundo o SP2, com números obtidos via Lei de Acesso à Informação, os crimes de estelionato aumentaram 590% no primeiro trimestre desse ano, em relação ao mesmo período do ano passado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *