Acidente ocorreu na PR-160, em Imbaú (PR), e corpo de Sabrina Oliveira será sepultado no Cemitério Municipal de Itararé (SP), município onde vive a família dela.

O corpo da enfermeira de 27 anos que morreu após se envolver em uma colisão frontal entre um carro e um ônibus na PR-160, em Imbaú (PR), será velado e sepultado em Itararé (SP), município onde vive a família dela, nesta segunda-feira (17).

Segundo a Polícia Rodoviária, o acidente ocorreu na madrugada de domingo (16), após o carro conduzido por Sabrina Ribeiro de Oliveira invadir a pista contrária e bater de frente com um ônibus. Ela morreu no local e o motorista do veículo atingido não ficou ferido.

O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) e, depois, encaminhado para uma cerimônia fúnebre na Capela Monte Alegre, em Telêmaco Borba (PR), onde a enfermeira trabalhava. Amigos e colegas de trabalho prestaram homenagens.

Após a cerimônia, o corpo de Sabrina foi levado à Capela B da Santa Casa de Itararé para ser velado. Já o enterro ocorrerá no Cemitério Municipal, às 15h.

Luto
Sabrina era enfermeira no Hospital Regional de Telêmaco Borba e no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do município. O hospital emitiu uma nota.

“Em luto, a gestão, servidores e colegas do hospital manifestam os mais profundos sentimentos de solidariedade à família e amigos. Que Deus, com sua infinita bondade, conforte a todos neste momento de dor e saudade”, diz a nota.

Amigos e parentes também prestaram homenagens nas redes sociais.

“Hoje o dia amanheceu mais triste. Ficou pra trás todos os projetos e sonhos, aquela visita que planejamos na última conversa. Descansa em paz, Sabrina. Que o senhor a receba em seus braços”, escreveu uma parente no Facebook

A Faculdade Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva (SP), onde Sabrina cursou enfermagem, também lamentou o ocorrido.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *