Para Polícia Civil da Barra da Tijuca há suspeita de uma tentativa de homicídio

Na manhã desta terça-feira (8), Shanna Harouche Garcia Lopes, filha do bicheiro Waldomiro Paes Garcia, do Salgueiro, é baleada na Zona Oeste do Rio.

O ocorrido se deu por volta das 10h30 da manhã. Shanna, ainda que estivesse dentro de um veículo blindado, foi atingida no braço e no abdômen. Logo o Corpo de Bombeiros foi acionado para prestar o devido socorro.

No momento, a polícia investiga o caso e levanta as suspeitas de uma tentativa de homicídio, em prol do histórico de crimes da família. No ano de 2017, Myro Garcia (27), que também era filho do bicheiro, foi assinado.

Myro, em 12 de abril de 2017, foi sequestrado e morto quando saía da academia a qual frequentava, localizada na Barra da Tijuca. Sua imagem, diferente da se seu pai, não era ligada ao jogo do bicho. Myro era jogador de pôquer, participou de inúmeros torneios e arrecadou cerca de US$ 65 mil em uma competição no Chile.

No ano de 2004, quando seu pai morreu, os negócios da família passaram aos cuidados de seu tio, Alcebíades Garcia, mais conhecido como Bid, assumiu os negócios da família e também o cargo de patrono do Salgueiro.

Internada no Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, Shanna segue com estado com quadro estável.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here